Cuidados com o ar condicionado em ambientes clínicos

ar condicionado em ambientes clínicos

Problema no ar condicionado em ambientes clínicos ou baixa performance são graves. Isso porque a vida dos pacientes pode estar em risco se a temperatura e a umidade estiverem fora dos níveis seguros. Por isso é importante saber quais os procedimentos e atitudes a serem adotados com o ar condicionado em ambiente clínico.

Cuidados com o ar condicionado em ambientes clínicos

Confira alguns cuidados que você não pode deixar de lado quando estiver lidando com um ar condicionado neste tipo de ambiente.

Alta umidade: um enorme problema de saúde no setor de climatização

Altos níveis de calor e umidade são desagradáveis ​​para pessoas saudáveis. No entanto, essas condições são especialmente prejudiciais para aqueles com problemas respiratórios. Eles também são perigosos para aqueles que se recuperam após a cirurgia em um centro de reabilitação ou lar de idosos.

A alta umidade promove a disseminação de bactérias. Esta é uma preocupação em qualquer local, mas é ainda mais problemático nas unidades de saúde onde as pessoas muitas vezes têm sistemas imunológicos comprometidos. Quando seu sistema imunológico está em baixa, é mais difícil combater infecções. De acordo com alguns órgãos de saúde internacional (como o CDC, dos EUA), 1 em cada 25 pacientes irá adquirir uma infecção hospitalar.

Se o sistema HVAC da sua instalação não estiver controlando bem a umidade, isso representa um sério risco para a saúde.

Flutuações de temperatura colocam pacientes em risco

As variações de temperatura podem ser irritantes em nossas casas, mas é um jogo totalmente diferente em hospitais e outros centros médicos. Instalações de saúde devem manter a temperatura correta para cada ambiente especializado. Isso faz com que o design de HVAC para instalações de saúde seja uma consideração crítica.

Temperaturas mais quentes podem ser necessárias para pacientes cardíacos com má circulação. Aqueles com febre alta e lesões cerebrais geralmente precisam de um ambiente mais frio. As vítimas de queimaduras exigem temperaturas mais altas com umidade maior umidade relativa.

É preciso considerar as diferentes situações e as necessidades dos pacientes, sem deixar de levar em conta a temperatura ideal para o conforto humano. Dar conforto para o paciente é parte importante da recuperação e do tratamento de diversas doenças.

Condições de trabalho precárias afetam o atendimento ao paciente

Além de trazer conforto para seus pacientes, um ótimo ar condicionado em ambientes clínicos é vital para a saúde dos funcionários e para a prestação de serviços aos pacientes. O ar condicionado está diretamente ligado com a produtividade de qualquer tipo de trabalhador. Isso inclui também os funcionários do setor da saúde.

Funcionários desmotivados podem não apresentar as condições necessárias para a recuperação de um paciente. Sem contar que os colaboradores podem acabar adoecendo por conta da baixa qualidade do ar.